Desdobramento Astral: O Poderoso Ato de “Sonhar”

Foto por Natalie em Pexels.com

Vamos começar esta reflexão com algumas perguntinhas:

– Você já sonhou que estava caindo?

– Você já sonhou de forma tão real que sentiu as sensações no seu corpo físico após acordar?

– Você já sonhou com rostos que nunca viu na vida?

– Você já sonhou com lugares que nunca conheceu?

– Você já viveu algo em um sonho e depois aconteceu na vida real?

Pois é, bem vindos ao ato de desdobrar enquanto dorme!

Em outros textos aqui do site já foi explicado que somos seres eletromagnéticos, ou seja, temos um corpo energético (elétrico) dentro de um corpo físico (magnético). Trago esta recordação porque é exatamente com essa base de entendimento sobre o que somos que conseguiremos compreender algumas situações que ocorrem conosco durante a nossa vida. Mais especificadamente neste texto falaremos do que ocorre com o nosso corpo eletromagnético quando dormimos.

Mesmo que as informações que se apresentem a seguir te pareçam estranhas, erradas, confusas, reflita sobre esta tese sem julgamentos de certo ou errado, enxergue apenas como uma possibilidade. Se me permite uma sugestão, enquanto lê sobre o ato de sonhar seria interessante realizar comparações e reflexões dos teus últimos sonhos.

Nosso corpo elétrico atualmente habita um corpo físico para conseguir se manter na terra, precisamos de magnetismo para ficar aqui e da eletricidade para pulsar, viver e mover. Quando nosso corpo físico se cansa, nós o descansamos para o próximo dia, então temos uma rotina diurna ou noturna de dormir.

Nosso corpo físico necessita desligar para se recuperar do estresse, dos movimentos que fazemos durante o dia, dos pesos que carregamos, precisamos de descanso para nossos pés, pernas, costas, coração. É comprovado cientificamente que um corpo físico sem o devido descanso e boa qualidade de sono venha a adoecer e que dependendo da restrição de sono possa ter um colapso e vir a óbito.

Foto por Keira Burton em Pexels.com

O corpo elétrico por sua vez não desliga, a energia é uma constante de movimento, direção e velocidade, portanto o corpo elétrico que se une ao corpo físico não necessita descansar.

Quando nosso corpo físico pausa, ou seja, quando vamos dormir, o corpo elétrico realiza o que chamamos de desdobramento, desmembramento, viagem astral ou projeção astral. Os diversos nomes falam da mesma situação: um corpo elétrico que se desprende do corpo físico enquanto este descansa.

Neste ato de desdobrar um corpo do outro, podemos nos projetar para alguns lugares, e digo lugares em vez de espaço ou tempo porque no olhar do “Todo” não existe tempo/espaço, tudo acontece no agora.

Podemos nos elevar até as casas astrais, ou seja, locais que apenas o corpo energético transita, pois assim como o corpo fisico fica aqui na matéria, no planeta terra, o corpo energético se eleva as dimensões mais sutis, do qual deram o nome de planos astrais. Desdobramos e vamos a estes locais para justamente buscar elevação. São lugares onde recebemos orientações de seres mais evoluídos quando percebem que precisamos de algum auxílio.

Neste ponto acredito que você esteja questionando:

– Beleza, mas o que tem os sonhos com isso?

Quando desdobramos até às casas astrais, enxergamos pessoas e situações que dependendo do grau de entendimento espiritual se lembrássemos da viagem ficaríamos loucos, questionando diversas situações, nos colocando em dúvida sobre a realidade e a ilusão. Portanto quando regressamos da viagem astral, ou seja, quando acordamos, a nossa mente transforma as informações que obtivemos em uma forma mais lúdica, pegando imagens que temos do planeta terra e usando elas para passar determinadas mensagens.

Parece confuso, então segue um exemplo para compreendermos melhor:

Você se deita para dormir e desdobra, nas casas astrais recebe informações que está se precipitando no trabalho, realizando alianças que não são tão positivas, que poderá se prejudicar financeiramente. Recebe estas informações dos seres de luz das casas astrais e retorna ao seu corpo físico. Como você recorda desta projeção?

“- Nossa, tive um sonho tão ruim esta noite! Sonhei que estava no trabalho e do nada eu estava atravessando um rio enorme e começou a encher muito rápido, tinha muita onda e uma água muito turbulenta que começou a me arrastar e então eu me afogava e aí eu acordei. Que sonho horrível!”

Qual a reflexão sobre este sonho?

Mensagem lúdica: Trabalho + águas turbulentas + decisão de insistir em atravessar + morrer.

Mensagem da projeção astral: Cuidado no trabalho porque suas atitudes podem te prejudicar.

Compreendeu que as mensagens são projetadas em situações que possam parecer estranhas?

Os sonhos são projeções astrais que te trazem mensagens, mas que são montadas na sua mente de uma forma mais lúdica, pois se fosse mostrado de fato a realidade da projeção você poderia ficar em choque.

Foto por Ike louie Natividad em Pexels.com

Então mais importante do que todo o sonho em si, é observar como se sentiu neste sonho. O que você sentiu durante este sonho estranho? O que você fez no sonho? Qual atitude teve no sonho? Como se sentiu após tomar esta atitude no sonho?

– Mas eu sonhei com o Homem de Ferro fazendo um bolo de morango, isso é muito doido!?

Tudo bem, mas a pergunta é: como você estava se sentindo? Talvez nesta semana você assitiu o filme do Homem de Ferro e quando foi captar as mensagens da sua viagem astral seu cérebro usou a imagem dele para te mostrar a mensagem do sentimento, que de fato é o que importa. Estava feliz em fazer esse bolo? Estava com dúvidas se o bolo daria certo?

O sonho por mais estranho que possa ser sempre te trará uma mensagem relacionada a um desdobramento astral.

Continuando a falar dos sonhos, ou melhor dizendo, das projeções astrais, não é apenas para cima que viajamos.

Quando vamos para as casas astrais nós estamos precisando de uma direção, de uma orientação, de um puxão de orelha, porém há um segundo lugar que podemos nos projetar, e neste local viajamos quando estamos muito presos a nossa matéria. Desdobramos do nosso corpo e ficamos aqui mesmo no planeta terra. Muitos desdobramentos nos fazem vagar por aqui mesmo, pelo nosso quarto, pela nossa casa, vamos ao nosso local de trabalho, reencontramos amigos.

Quantas vezes você não sonhou que estava no trabalho? Na sua casa? Na casa de um familiar? No parque? Viajando em algum lugar lindo que depois conheceu?

Quando estamos muito ligados aos problemas materiais, a situações físicas podemos desdobrar e ficar aqui mesmo, observando e movimentando as energias terrenas. Nesta projeção nós não recebemos orientações superiores, porém conseguimos vivenciar atividades do dia-a-dia ou até reviver algumas e assim entendermos melhor que caminho seguir, que postura tomar, como se vivêssemos aquilo para compreender melhor o que fazer caso vier a ocorrer.

Foto por Tima Miroshnichenko em Pexels.com

Neste caso o nosso cérebro não nos ilude com imagens estranhas ou fantasiosas porque estamos na nossa “área”, então de fato vivenciamos o aqui e quando acordamos lembramos de tudo que vimos no “sonho”.

– Mas eu sonhei que chegava na minha casa e meu esposo estava me traindo, isso significa que vivi isso e que vai ocorrer?

Não! Significa que tem um sentimento complicado relacionado a traição e confiança no seu parceiro e sentiu a necessidade de desdobrar e vivenciar isso no campo energético para compreender melhor o que sentiria se acontecece no corpo físico. As viagens astrais neste mesmo plano servem para compreensão do que estamos vivenciando ou poderemos vivenciar na matéria e assim nos conhecermos melhor.

Então se a viagem astral possuir situações estranhas, sem muito nexo, personagens, ilusões, estou nas casas astrais recebendo instruções, e se estou na terra, passando por alguma situação com conhecidos e locais que vivi ou vivo atualmente estou me testando para melhor compreensão do meu hoje. Ficou mais claro agora?

Mas se você acha que parou por aqui, não parou não, tem mais um desdobramento. Pensei muito se traria ele para este momento, porém acredito que quem está lendo este texto já tem um poder de compreensão melhor deste assunto, pois acredito que se não tivesse, não continuaria a leitura até aqui. Vamos falar de pesadelos?

Já viajamos para cima, ja ficamos por aqui mesmo, e para baixo? Vamos falar dos pesadelos então.

Conseguimos também desdobrar para locais menos sutis, e isso tem algumas variantes para ocorrer. Quando estamos com uma frequência mais baixa, quando fazemos maldades, quando aprontamos, quando agimos de forma ruim, mal intencionada, tendemos a ir para viagens mais densas e encontrar seres menos desenvolvidos.

Foto por Mstudio em Pexels.com

Do mesmo modo que recebo orientações de seres de luz quando busco ser um ser humano melhor para o planeta terra, quando busco prejudicar, ludibriar e aprontar por aqui, também me conecto a seres que pensam assim. Quando dormimos de mal com algo, vamos para casas mais densas e consequentemente acordamos se sentindo angustiados, doloridos, cansados, parece que nem descansamos. Já acordou exausto mesmo dormindo por horas?

Os pesadelos tambem nos passam mensagens, todo desdobramento é feito para captar informações, porém no caso dos pesadelos, de situações horríveis, terríveis, onde até acordamos chorando, gemendo de dor, suando, falam mais sobre nossa energia e o que estamos compartilhando com o outro. Quando temos um pesadelo, indiferente do que foi sonhado, sugiro uma pausa assim que acordar para refletir sobre o que está vibrando para ter tido esta projeção tão pesada, densa, ruim ou violenta.

Mas Jana, é que eu tive um trauma na infância e as vezes eu sonho com isso!

Sim, isso ocorre porque ainda vibra a frequência deste trauma, há um bloco de dor que quando você não está bem com algo ou recorda da situação, isso baixa a sua frequência e com a frequência baixa você projeta a noite e fica mais suscetível a ir para locais mais densos. Enquanto tiver frequências em desequillibrio, indiferente da área da sua vida, no desdobramento você pode ir para locais mais densos e ter uma experiência de dor, de angústia ou uma sensação ruim. Neste local mais denso também pode ter o uso de mensagens lúdicas, pode ver monstros, ver imagens turvas, escuras, estranhas, distorcidas. Portanto assim como a outra projeção, foque mais em entender a mensagem real a ser passada que é o que está sentindo. As baixas frequências podem vir de traumas e situações antigas que não cicatrizaram ou pode ser por algo atual, algum comportamento errado ou situação ruim que esteja passando. Você já escutou a frase: “não é bom dormir brigado com ninguém”?

Portanto as projeções astrais são para cima, para o meio ou para baixo, sendo que estão te trazendo informações, orientações, provocações.

– E quando eu não sonho? Eu não viajei?

Nós sempre realizamos as viagens astrais, porém da mesma forma que nosso cérebro nos trás mensagens lúdicas e diferentes do que vivenciamos ao projetar para nos poupar emocionalmente, tem algumas informações que recebemos mas que não é hora de lembrar! É o famoso “sonhei tudo preto”.

Preciso deixar aqui explicado que estou abordando sobre projeções que acontecem nas pessoas que não dominam este assunto. Falo isso porque quem estuda a viagem astral, quem vai atrás de treinar estas projeções e tem mais conhecimento sobre este assunto, consegue enxergar as casas atrais e os seres de luz em vez de sonhar “estranho”, inclusive consegue até decidir se projetar aos locais mais densos para levar luz e elevar a frequência destes locais de forma consciente, também consegue se projetar para ir até um ente querido que está hospitalizado e ficar com ele por algum tempo. Existe a projeção astral consciente e quanto mais estudamos e nos preparamos, mais compreendemos nosso corpo físico e energético e mais dominamos ele.

Para finalizar este texto bem resumido de sonhos e projeções astrais eu quero te responder uma pergunta que coloquei lá no início do texto:

– Já sonhou que estava caindo?

Foto por u0410u043bu0435u043au0441u0430u043du0434u0440 em Pexels.com

Quando estamos em projeção astral e o nosso corpo físico começa a acordar muito rápido, o nosso corpo elétrico percebe isso e aumenta a velocidade de retorno (acoplamento), dando a sensação de fato que estamos caindo em queda livre, alguns até acordam sentindo a dor do impacto deste encaixe do corpo elétrico no corpo físico. Então você realmente estava caindo.

Vou deixar mais uma expansão de consciência para reflexão:

Sabe a paralisia do sono? Quando você acorda mas não consegue se mover por um tempo?

Isso ocorre porque o corpo físico despertou antes do corpo elétrico voltar do desdobramento. Quem movimenta o teu corpo físico? O corpo elétrico! Por isso ficamos paralisados e depois de um tempinho nos movimentamos. Incrível não?

Para quem se interessou sobre o desdobramento astral e quer estudar um pouco mais sobre isso, deixo abaixo uma indicação de um canal no youtube incrível que fala apenas sobre esse tema, segue o link do canal:

https://www.youtube.com/channel/UC3bXRwWHoPOC2yoUzKgb6eQ

Te desejo bons sonhos!

2 comentários em “Desdobramento Astral: O Poderoso Ato de “Sonhar”

    1. Quando sonhamos com pessoas desencarnadas podemos estar visitando elas no plano astral ou podemos estar usando imagens lúdicas para passar uma mensagem e usamos a imagem daquela pessoa que já faleceu para nos passar mais credibilidade ou força.
      Como saber?
      Quando sonhamos com alguém que já desencarnou é importante que a figura da pessoa apareça de forma muito clara, você consegue ver bem o rosto? olhar nos olhos? ver expressões faciais perfeitas do familiar?
      Se foi nítido a este ponto você estava com a pessoa nas casas astrais.
      Caso tenha a sensação que era alguém que faleceu porém não teve este contato de olho no olho, de ver bem as expressões da face, uma troca bem real e próxima, foi apenas uma mensagem onde foi usado a imagem de quem se foi para te dar mais força na informação.
      Espero ter explicado direto, qualquer dúvida só perguntar! Beijos e obrigada pela pergunta!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: